Marketing de varejo: 6 estratégias para colocar em prática

Por trás de uma boa venda, existe um bom marketing de varejo. Da atração do consumidor
à sua loja até a finalização da compra, o principal objetivo é melhorar a percepção do cliente
em todos os meios e todas as vezes que ele entrar em contato com a sua marca.

E a boa notícia é que existem estratégias que podem ser colocadas em prática, inclusive,
no seu ponto de venda. Isso inclui uma variedade de ações, como promoções e uso de
diferentes canais de comunicação.

Entenda, neste artigo, como o marketing de varejo pode ajudar a alavancar as suas vendas.
Confira nossas dicas abaixo e boa leitura!

Afinal, o que é o marketing de varejo?

Uma boa experiência com a sua marca é essencial para atrair e fidelizar clientes. Nesse
sentido, o marketing de varejo é um conjunto de estratégias que visa melhorar as vendas e
a divulgação do estabelecimento como um todo.

Isso é feito por meio de ações promocionais, campanhas e canais de comunicação. Em
resumo, incentiva a interação entre consumidor e lojista.

Dessa forma, com um bom marketing focado no varejo, é possível alcançar:

• Melhora na percepção do cliente em relação ao serviço e aos produtos
• Satisfação dos desejos e necessidades dos consumidores
• Fortalecimento da marca e fidelização do público
• Maior competitividade diante dos concorrentes
• Aumento das vendas e, consequentemente, da lucratividade

Mas, para atingir esses resultados, é preciso saber utilizar o marketing a favor do seu
varejo. Para isso, listamos estratégias essenciais que vão fazer a diferença no seu negócio.
Continue a leitura para conhecer.

6 estratégias de marketing para varejo que funcionam

Quando falamos nesse assunto, a primeira coisa que pode vir à sua cabeça são as
promoções. E não está errado, mas o marketing para varejo pode ir muito além disso,
contando com facilidades proporcionada por uma ferramenta indispensável: a tecnologia.
Acompanhe!

1. Descontos e liquidações

As promoções são um dos pilares estratégicos do marketing no varejo. Oferecer produtos
por um preço mais barato é uma ótima opção, desde que não comprometa a saúde
financeira do negócio. Nesse contexto, é fundamental contar com uma comunicação que
chame a atenção do consumidor para a vantagem.

2. Benefícios na compra de produtos

Além dos descontos, você pode oferecer benefícios que não estejam relacionados,
diretamente, ao dinheiro. Por exemplo, a cada X reais que o cliente gasta em produtos, ele
ganha um brinde ou cupom. Assim, fica mais fácil impulsionar as vendas da sua loja.
Lembre-se de deixar bem claro como as regras funcionam.

3. Experiências sensoriais

Hoje, o consumidor não quer apenas comprar, como também valoriza boas experiências. A
principal diferença entre o físico e digital é a possibilidade de sentir, tocar, cheirar e, de
alguma forma, experimentar o produto. Isto é, despertar emoções garante que o consumidor
vai se lembrar do seu estabelecimento!

4. Omnichannel

Combinar online e offline se tornou uma estratégia indispensável para o varejo, mesmo que
a sua loja esteja somente no físico. Essa integração, chamada de omnichannel, permite que
a jornada de compra aconteça no físico e no digital, sem interrupções. Ponto de venda,
redes sociais, aplicativos, chatbots são canais que podem ser incluídos nessa estratégia.

5. Big Data

O seu negócio possui milhares de dados – o chamado Big Data -, que podem ser utilizados
de forma estratégica para aumentar as vendas. Como? Quando se tem o histórico de venda
da sua loja, você sabe quais produtos vendem mais e em que momento esses itens tem
mais saída. Assim, com base em dados do comportamento do consumidor, é possível
planejar ações mais assertivas.

6. Inteligência Artificial

Para conquistar a satisfação do cliente, é primordial garantir que ele encontre o que
procura. Pense no seguinte: o seu negócio já produz uma quantidade gigantesca de dados,
mas é necessário transformá-los em informações estratégicas.

Uma das formas de se obter isso é por meio da tecnologia, em especial, pelo uso da
Inteligência Artificial (IA) presente em softwares para gestão de estoque. A ferramenta,
capaz de gerar informações relevantes em segundos, prevê a demanda e identifica as
melhores oportunidades de negócio.

Como vimos, o marketing de varejo tem o objetivo de atrair e fidelizar os seus clientes, além
de se integrar facilmente com a tecnologia. Dessa forma, pode, inclusive, antecipar
tendências do futuro e preparar muito melhor o seu negócio para as vendas.

Continue acompanhando o nosso blog e mantenha-se informado sobre as principais
inovações e tendências do varejo.

Últimos posts