E-commerce segue como forte tendência em 2021

O ano de 2020 foi marcado por mudanças e entre elas, talvez a mais marcante, foi a mudança de comportamento do consumidor. De uma hora para outra, sem possibilidade de sair de casa e visitar lojas físicas, os brasileiros passaram a utilizam a internet para as mais variadas necessidades: comprar de alimentos a roupas, passando por livros, acessórios, bebidas e serviços de entrega de comida.

Negócios que não estavam preparados para esse tipo de transação, precisaram correr contra o tempo e usar a criatividade para não perder clientes. Segundo dados do relatório Global Outlook 2021, da Mastercard, a expectativa é de que de 20% a 30% das operações que migraram das lojas físicas para o meio digital durante o isolamento social vão ser permanentes quando o surto chegar ao fim.

As lojas que não tiverem opções diferenciadas para vendas, ficarão cada vez mais para trás. Segundo o artigo “Tendências para o e-commerce em 2021”  do portal Ecommerce Brasil, estas serão as principais tendências para 2021:

Interatividade:

Estar disponível para atender o cliente de forma imediata é uma grande tendência para os comércios online. A interatividade engaja o usuário, fideliza e dá segurança para que ele realize a compra.

Personalização:

Ter dados para entender o seu público-alvo e saber se comunicar com ele é essencial para o sucesso do negócio. Assim também é possível acompanhar os interesses e desejos do público e se adaptar rapidamente a essas necessidades.

Gestão online e em nuvem:

Acessar informações do seu negócio de qualquer lugar e a qualquer hora é uma necessidade do mundo atual. E as tecnologias estão cada vez mais apuradas para permitirem isso. Os sistemas de gestão online e em nuvem são grandes facilitadores e com eles o acesso aos dados financeiros, de logística e faturamento, por exemplo, são acessados de forma simples e rápida.

Pagamentos diversificados:

Para um e-commerce ser atrativo, deve oferecer diferenciadas formas de pagamento.  Opções como cartões de crédito, boletos, PayPall e Pix serão cada vez mais comuns nas lojas virtuais.

Vídeos:

Pesquisas apontam que mais de 60% dos consumidores procuram avaliações do produto antes de efetuar a compra. Por isso, ter vídeos explicativos dos produtos pode ser uma estratégia bem assertiva

Novas estratégias de vendas:

Neste novo cenário, é preciso inovar e ser criativo. Vendas através de whats App, redes sociais e telefone, por exemplo, podem ser viáveis para fortalecer o seu negócio. Apenas preocupe-se em dar a devida atenção para cada um destes canais.

Sustentabilidade:

Os consumidores estão cada vez mais ligados em marcas que se preocupam com questões sociais e meio ambiente. Além disso, preocupar-se com sustentabilidade agrega valor à marca.

Para saber mais, acesse nosso Guia Prático com 10 dicas para levar o seu supermercado para o E-commerce! Acesse Agora


Sobre a Nexello: 

A Nexello é uma empresa de tecnologia que desenvolve sistemas para a gestão integrada da cadeia de suprimentos (supply chain). Fundada em 2003 na cidade de Criciúma/SC,tornou-se especialista em oferecer soluções para o agendamento online das entregas de mercadorias e o planejamento das necessidades de distribuição.

Fale com nossos especialistas

Gostou? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Últimos posts